Check-Up

A Engelétrica dispõe de um sistema de manutenção preventiva e corretiva em média tensão totalmente voltada a atender as necessidades de seus clientes, nas modalidades:

 

Check-Up Avulso

A Engelétrica, contando com o apoio de colaboradores altamente qualificados, efetua periodicamente check-ups nas cabines de seus clientes, mantendo dessa forma o bom funcionamento de todos os equipamentos.

Segurança – Além do desligamento, outras medidas de segurança são adotadas neste momento, são instalados sistemas de aterramento temporário e dispositivo visual que identifica a presença de nossos funcionários em procedimentos de manutenção (cadeados e porta cadeados). Uma inspeção operacional é realizada, e feito o planejamento das operações, segundo o roteiro abaixo;

Muflas Externas – Limpeza, verificação do sistema de fixação, reaperto das conexões elétricas à rede da concessionária e aos cabos de energia;
Cabos de Energia – Verificação da conexão de suas blindagens ao sistema de aterramento e ao neutro interna e externamente;

Eletroduto de Proteção  Verificação e restauração da pintura;

Muflas Internas – Verificação do sistema de fixação, reaperto das conexões elétricas ao sistema interno de distribuição;

Equipamentos da Concessionária – Inspeção visual dos equipamentos da concessionária, pára-raios, chaves corta-circuitos, isoladores, poste, etc. Caso seja verificada alguma anormalidade a concessionária será comunicada para que sejam tomadas as providências cabíveis;

Disjuntor de Média Tensão – Limpeza, reaperto, medição de isolação e resistência de contato, verificação e regulagem das varetas dos reles primários quando existirem, verificação e ajustes da bobina de mínima tensão, bobina de abertura e fechamento, verificação e limpeza das câmaras de interrupção e extinção, verificação dos visores de nível de óleo, troca do óleo mineral isolante;

Geral – Medição da isolação do sistema elétrico entre fases e entre fase e terra. Em caso de baixa isolação o ponto que apresentar problema é isolado através de medições consecutivas;

Entrada Aérea – Limpeza, verificação do sistema de fixação, reaperto das conexões elétricas à rede da concessionária e aos cabos de energia;

Seccionadoras – Limpeza, desoxidação dos contatos e lubrificação (aplicação de pasta anti-óxido, alinhamento das lâminas, verificação e ajuste do sistema de acionamento, revisão dos micro-interruptores, se houver;

Pára-raios – Limpeza, verificação e reaperto de suas conexões à rede e à terra, revisão de seu sistema de ligação à terra, o qual deve ser independente ao aterramento das massas;

Equipamentos Auxiliares de Medição (TC’s / TP’s) – Inspeção visual de suas condições de conservação, medição de isolação, reaperto das conexões elétricas, reaperto das fixações, inspeção visual da ligação à terra das massas e reaperto;

Barramentos  Reaperto geral, pintura nas cores convencionais, quando necessário;

Suportes/Serralharia em Geral – Pintura, quando necessário, reaperto de suas fixações, inspeção visual das ligações das massas à terra;

Isoladores – Limpeza, reaperto, medição de isolação independente, caso seja observada baixa isolação em qualquer das fases;

Equipamentos de Baixa Tensão – Limpeza, reaperto, lubrificação de comandos, verificação e ajuste de bobinas de mínima tensão, verificação de abertura e fechamento, verificação e limpeza das câmaras de extinção, limpeza dos contatos principais, medição da resistência de contato. (opcional)

EXCLUSÕES: 

– Fornecimento de materiais de qualquer espécie;
– Reforma de equipamentos;
– Instalações novas;
– Ampliações;
– Modificação das instalações existentes;
– Filtragem ou troca de óleo mineral isolante de transformação;

Check-Up – Sistema Contratual

Além dos itens acima, executados anualmente ou em períodos previamente estabelecidos, o sistema contratual inclui:

INSPEÇÃO PRELIMINAR – Verificação das condições gerais de conservação e funcionamento das instalações. Durante a inspeção será preenchido o formulário adequado do qual constam os principais itens a serem observados e a condição em que os mesmos foram encontrados, sendo assinaladas as condições entre: “REGULAR / IRREGULAR / NÃO EXISTE / NÃO VISÍVEL”. São também anotadas eventuais observações relevantes e se necessários elaborados os devidos relatórios de não conformidade. (RNC);

CADASTRO DAS INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS  Todos os equipamentos elétricos de média tensão instalados são cadastrados de forma a facilitar os eventuais atendimentos futuros. Durante o processo de cadastro das instalações são feitos registros fotográficos;

INSPEÇÃO TERMOGRÁFICA  Antes de cada check-up anual é executada uma inspeção termográfica com o registro de eventuais anomalias térmicas para programação das correções necessárias durante as manutenções; A termografia em questão está restrita às instalações e equipamentos elétricos de média tensão e baseia-se nas seguintes condições:

TERMOGRAFISTA – Nível II do ITC;
EQUIPAMENTO – Flir T360 ou FLUKE;

RELATÓRIO – elaborado no aplicativo Reporter (Flir) em arquivo PDF e disponibilizado em nosso site ou em nosso sistema de gerenciamento de Termografias, e da mesma forma disponibilizado em nosso site; É fornecida folha de inspeção para cada ponto de aquecimento encontrado, avaliado como potencial de anomalia térmica, contendo foto digital e térmica, bem como:

– Data da inspeção;
– Descrição da ocorrência;
– Emissividade;
– Classificação quando ao tipo de intervenção;
– Risco ao sistema;
– Ação recomendada.

São adotados os procedimentos necessários para execução de verificação e indicação da correção, por análise termográflca, de modo geral, de todos os equipamentos elétricos instalados no setor objeto da manutenção, sendo indispensável o acompanhamento por agente representante do cliente

O mapeamento térmico permite a determinação das condições de operações anormais de equipamentos e máquinas eletromecânicas, evitando situações emergenciais através da intervenção preventiva.

ATENDIMENTO 24h – Para situações caracterizadas como emergenciais.

INSPEÇÃO PERIÓDICA – Periodicamente é executada uma inspeção nas instalações elétricas de média tensão com o objetivo de acompanhar o desempenho das instalações

Quando observada alguma irregularidade que necessite de intervenção de urgência ou emergência é emitido o RELATÓRIO DE NÃO CONFORMIDADE do qual consta a irregularidade observada, causa provável e providência recomendada.

São feitas as seguintes inspeções:

Sonora:

Ocorrência de descargas elétricas.
Vibrações excessivas dos reles de sobrecorrente, varetas, da bobina de mínima tensão, etc.

Visual:

Efeito corona, descargas intermitentes;
Danos físicos, tais como trincas, destacamento de material, desalinhamento, etc.;
Condições gerais de conservação;
Existência de objetos estranhos;
Nível de temperatura aparente;
Iluminação interna artificial;
Verificação da iluminação de emergência;
Nível de óleo do disjuntor.(quando acessível);
Nível de óleo do transformador.(quando acessível);
Condição dos equipamentos de segurança;
Carga do extintor (data de validade);
Funcionamento do banco de capacitores. (se houver);
Condição dos para-raios de linha. (se houverem);
Fechamento das seccionadoras. (simultaneidade);
* Medição de tensão secundária do transformador;
* Medição de intensidade da corrente secundária dos transformadores;
Verificação do sistema de aterramento.
* Cabines simplificadas.

ODOR:

Ozona, ocorrência de cheiro característico de carbonização.

É procedida a verificação, através de termômetro infra-vermelho, de pontos de aquecimento na instalação. A cada inspeção realizada é emitido o devido relatório de inspeção e apontadas as eventuais irregularidades encontradas.